PIT (Pile Integrity Tester) é um método de ensaio não destrutivo para verificar a integridade do fuste de estacas através da propagação de ondas acústicas na sua estrutura. Com este processo é possível medir o comprimento de estacas e verificar a existência de eventuais pontos de descontinuidade do fuste, caracterizando danos na estrutura da estaca.

O PIT se aplica à verificação da integridade do fuste de estacas tanto para  obras de estruturas novas, como para construções existentes. No caso de obras novas, os ensaios servem para aferir se as fundações estão adequadas ao projeto e se a construção pode prosseguir.

No caso de estruturas antigas, o PIT serve para identificar patologia e/ou comprimento das fundações e indicar as análises a serem realizadas.

Descrição do Ensaio do PIT
O ensaio do PIT (Pile Integrity Tester) está baseado na tecnologia conhecida como Teste de Eco de Pulso. O método consiste em fixar um ou dois acelerômetros à fundação e em usar um pequeno martelo manual de borracha para impactá-los. Com base na propagação do eco refletido ao longo da estaca, pode-se identificar a existência de avarias ou descontinuidades no fuste. Pile Integrity Testing - Redav Serviços de Engenharia
Os grandes benefícios deste ensaio são a sua simplicidade, sua velocidade e o fato de ser não destrutivo, não afetando em nada a estrutura existente. O ensaio pode ser realizado em fundações de concreto ou de madeira, tanto em obras novas como em construções existente.
Pile Integrity Testing - Redav Serviços de Engenharia O equipamento PIT (Pile Integrity Tester) possui um display que exibe a curva do eco refletido. A partir das características desta curva, identificam-se as condições do fuste.
PIT (Pile Integrity Tester) - Mais Tranquilidade para a sua Obra

Para obras novas o emprego do PIT (Pile Integrity Tester) serve para aferir se as fundações estão conformes com o projeto e para indicar se a construção do restante da estrutura pode seguir adiante. Para construções existentes, o ensaio serve para avaliar as condições das fundações e identificar eventuais patologias estruturais que necessitem ser corrigidas.

Em ambos os casos, o ensaio do PIT se traduz em garantia de qualidade da fundação executada.